17/01/2008

Ave Maria de um Protestante


Um garotinho protestante de apenas 6 anos sempre ouvia seus amiguinhos católicos rezando a Ave Maria, ele gostou tanto da oração que copiou-a num papel e recitava-a todos os dias. "Olha mamae que oracao linda", disse o garotinho a sua mãe um dia. "Nunca a repita meu filho!", respondeu a mãe. Esta e' uma oração superticiosa dos católicos, que adoram ídolos e pensam que Maria é uma espécie de Deusa. Quando na verdade ela não passa de uma mulher como outra qualquer. Pegue esta Bíblia e leia, nela encontramos tudo o que devemos e não devemos fazer.


Daquele dia em diante o garoto cessou suas Ave Marias diárias, e se dedicou mais a leitura da Biblia. Um dia quando lia Evangelho, o garoto leu a passagem da Anunciacao do Anjo a Nossa Senhora. Cheio de alegria, o garoto correu até sua mãe e disse: Mamãe, eu achei a Ave Maria na Bíblia, aonde diz: 'Ave cheia de graça, o Senhor e' convosco, bendita sois vós entre as mulheres.' Por que a senhora chamou esta oração de superticiosa?


Numa outra ocasião ele encontrou a linda saudação de Santa Isabel á Virgem Maria, encontrou também o maravilhoso Cântico MAGNIFICAT, no qual Maria é profetizada: "as geracoes a chamarao bem aventurada".


O garotinho não mais comentou tais passagens com sua mãe, mas voltou a recitar suas Ave Marias todos os dias, como fazia anteriormente. Ele sentia prazer em recitar aquelas facinantes palavras para a Mãe de Jesus, Nosso Salvador.


Aos 14 anos, ele escutou os membros de sua família discutindo entre eles sobre Nossa Senhora. Todos eles diziam que Maria era uma mulher comum como qualquer outra. O garoto, depois de ouvir estas absurdas afirmações, não aguentou mais ouvir tais insultos e com indignação interrompeu-os dizendo: "Maria não é como qualquer filha de Adão, manchada pelo pecado. Nao! O anjo chamou-a de Cheia de Graca e Bendita entre todas as mulheres. Maria é a mãe de Jesus Cristo, e consequentemente mãe de Deus. Não existe dignidade maior para com uma criatura. O Evangelho nos conta que as gerações chamarão-a de abençoada/bem aventurada, e vocês desmerecendo e menosprezando-a? Seus espíritos não são os mesmos do Evangélho ou da Bíblia, que proclamam ser a fundação da Religião Cristã".


A fala do garoto deixou uma impressão tão profunda que conseguiu, por várias vezes, fazer sua mãe chorar de dor. "Ah meu Deus! Tenho medo deste meu menino um dia se juntar a religião católica, a religião dos Papas!".


E realmente não demorou muito, depois de um sério estudo sobre o Protestantismo e o Catolicismo, o garoto descobriu mais tarde a ÚNICA e VERDADEIRA religião, e abraçou-a, se tornando um de seus mais ardentes apóstolos.


Algum tempo após sua conversáo, ele encontrou com sua irmã casada que censurou-o dizendo: Você sabe o quanto eu amo meus filhos. Se algum deles um dia desejar virar católico, eu preferirei perfurar o coração deles com um punhal do que permití-los abraçar a religião dos Papas.


A fúria dela era tão profunda quanto a de São Paulo antes de sua conversão. De qualquer forma, ela iria mudar esse seu jeito, igual a São Paulo no caminho a Damascus. Ocorreu então que um dos filhos dela ficou perigosamente doente, e os médicos já haviam perdido a esperança de recuperação. Aí o irmão chegou até ela e conversou afetivamente dizendo: Minha querida irmã, naturalmente você deseja que sua criança seja curada. Muito bem então, o que eu lhe pedir, apenas faça! Siga-me, vamos rezar uma Ave Maria e prometer a Deus que, se sua criança recuperar a saúde, você irá estudar seriamente a Doutrina Católica, e você chegará a conclusão de que o catolicismo é a única e verdadeira religião, e não importa quão grande seja este sacrifício, mas você irá abraçar esta fé.


Sua irmã estava relutante no começo, mas como ela desejava a recuperação do seu filho, ela aceitou a proposta do irmão e rezou a Ave Maria com ele. No dia seguinte o filho dela estava completamente curado. A mãe cumpriu sua promessa e estudou a Doutrina Católica. E após uma longa preparação, ela recebeu o sacramento do Batismo juntamente com o restante de seus familiares, e agradeceu seu irmão por ter sido um apóstolo para ela.


Essa história foi relatada num sermão dado pelo Rev. Fr. Tuckwell (Padre Tuckwell), que continuou o sermão dizendo: "O garoto que virou católico e converteu sua irmã e familiares ao catolicismo, dedicou sua vida inteira ao serviço de Deus." 'Aquele garoto virou padre e está a falar com vocês neste exato momento!' O que sou, devo a Nossa Senhora.


Vocês tbm meus caros fiéis, sejam totalmente dedicado á Nossa Senhora, e nunca esqueçam de passar ao menos um dia sem rezar esta linda oração, a Ave Maria e o Terço. Peça á Ela para iluminar as mentes protestantes que estão separadas da Igreja de Cristo, fundada na rocha(Pedro), e da qual as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Mateus XVI, 18



7 comentários:

Ancien Régime disse...

Essa é uma história que deve horrizar os espíritos ecuménicos da Nova Igreja.

rrubio disse...

Tenho uma questão interessante.

João Batista é maior que Nossa Irmã Maria, ou Jesus, o Cristo mentiu?

"Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João o Batista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele." - Mt 11:11?


e mais outra questão...

Sendo que em HB 9:27 está escrito: "Como está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo" como um homem (ou mulher) pode rogar por nós.

[]´s meu irmão...

Que em nome de Jesus, Deus o Pai te ilimine e Guarde pelo poder do Espírito Santo.

Brother Pius [V] disse...

Sua mal formulada pergunta sobre a grandeza de São João Batista em -Mt 11:11- é respondida no link abaixo:

http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cartas&subsecao=doutrina&artigo=20050601172728&lang=bra

As Glórias da Virgem Maria SEGUNDO AS ESCRITURAS:

http://www.montfort.org.br/index.php?secao=veritas&subsecao=igreja&artigo=glorias&lang=bra


""Sendo que em HB 9:27 está escrito: "Como está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo" como um homem (ou mulher) pode rogar por nós.""

Quanto essa sua indagação á respeito da intercessão, peço-lhe que leia a explanação aqui:

http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cartas&subsecao=doutrina&artigo=20040821162132&lang=bra


Que a Sempre Virgem Maria, padroeira do Brasil, possa lhe arrancar do erro protestante que empurra inúmeras almas ao fogo eterno do inferno.

Esperando sua tréplica me despeço,

Em Cristo por Maria.

rrubio disse...

Caro colega,

Não vim aqui para julgar ninguém como fizeste, mas apenas para sanar uma dúvida, mas em face a temos como disseste em “possa lhe arrancar do erro protestante que empurra inúmeras almas ao fogo eterno do inferno.” podemos ver o espírito dito em II CO 4:4 em muitos que deveríamos chamar de “irmãos em Cristo”.

Espero que a adoração/veneração/glorificação a sua “Rainha dos Céus” seja perdoada e Ele lhe(s) poupe (leia todo o contexto, porém em Jr 44:17-23 já temos uma idéia).

E para terminar é sabido que não é papa, pastor, padre, títulos ou escândalos que irão subir, mas somente o povo do Senhor, aqueles que estão preparados para a volta de Jesus Cristo, o filho do Deus Vivo!


sem mais, fique na paz de Nosso Senhor, e que Ele lhe abençoe e guarde.

Brother Pius [V] disse...

Caro colega, não disse que vc veio aqui para para julgar ninguém, mas agora vc julga ao julgar que julguei. Ora, julguei de acordo com a sã doutrina, e não em relação a julgamento "salvífico" individual.

Vc veio sanar uma "dúvida" e eu a sanei, ou pelo menos tentei sanar.

O erro protestante arrasta sim inúmeras almas para o inferno, queria que eu omitisse tal coisa?! Por acaso é a favor que um médico esconda do paciente que ele tem câncer?! Eu não...

Suas "cotações bíblicas" como em II Cor. 4:4 são infundadas, pois a devoção a Santa Mãe de Deus jamais diminui a glória que devemos á Deus, pelo contrário, ela aumenta e se conforma-se á Sua vontade.

Quanto a ser irmão em Cristo, lembro-lhe que é impossível ser "irmão em Cristo" odiando ou sendo indiferente á Sua Santa Mãe, á Seu Corpo-Sangue-Alma-Divindade (Eucaristia), a Seu Vigário de Cristo na Terra (Papa), e otras cositas más.

Outra cotação bíblica transviada sua é a de Jeremias, e a resposta, vc encontra no primeiro link que lhe indiquei, link esses que, pelo visto, ficarei sem tréplica não é mesmo?!?!

Que a Sempre Virgem Maria, Rainha dos Céus, pois até os Anjos! (Gabriel) se prostam para ela e á saúdam, possam lhe arrancar do erro protestante, protestantismo esse que não possui ligação alguma com Cristo e os Apóstolos, são apenas homens que decidem se auto-nominarem "pastores" e alugam uma loja na esquina em que tbm auto-titulam "igrejas".... pobres protestantes!

Órfãos de Mãe não percebem que tbm serão órfão de Pai.

rrubio disse...

caro Pius [v],
voltarei atrás no que eu disse anteriormente: para que eu lhe de uma treplica será necessário que reescrevas tuas respostas e fundamente-as inteiramente na bíblia. caso não haja intenção de fazê-lo, não há por que eu retornar a este tópico.

grato pela atenção, e que Deus lhe abençoe e seja misericordioso com algumas apostasias apresentadas aqui.

Brother Pius [V] disse...

Ora, mas os links que lhe enviei fazem uma defesa da fé e da Santa Virgem Maria tbm baseado na Sagrada Escritura meu caro... Basta lê-los novamente sem o óculos do protestantismo.

Quanto a discurssão ser baseada "inteiramente" e somente na Bíblia, aceito o desafio com um porém: Desde que me mostre, baseado tbm inteiramente na Bíblia, aonde ela ensina que "somente ela" é suposta a ser a base da vida Cristã. Combinado?

Em tempo, "Guardai as tradições que aprendestes, ou por nossas palavras, ou por nossa carta" (II Thess. II, 14).